Não sei que significado tem o silêncio para ti!

Na azafama do dia-a-dia, entre as reuniões e os telefonemas, entre os apelos e as necessidades dos outros, entre o carro e a cadeira de um escritório, entre a televisão e a rádio, entre a família e os amigos, entre as compras e as saídas, somos inundados por um tsunami de sons, cores…. RUÍDO.

E, muitas vezes, em modo automático, seguimos como um navio que continua a navegar, enquanto o capitão se ausenta do leme! Seguimos com uma tarefa e depois outra e mais isto e aquilo! Passamos os dias a fazer, fazer, fazer… Vivemos ligados ao que fazer, ao modo de fazer, ao quando fazer!

 

O Ruído

Mas afinal, quem disse que tínhamos de estar sempre a fazer alguma coisa? Quem disse que tínhamos de ter vidas muito preenchidas?

Neste universo do fazer, onde fica o modo como estamos ou queremos estar? Nesta rotina automática, onde fica aquilo que somos na nossa essência? Onde está o capitão? Sim, onde e como ficas tu no teu navio? Onde estou eu no meio do ruído dos motores, enquanto o meu barco continua a navegar?

Talvez uma vida demasiado ocupada tenha excesso de ruído! Talvez o ruído nos deixe surdos aos chamamentos da nossa voz interior, da nossa essência! Talvez o ruído nos faça perder de nós, enquanto ouvimos o que acontece ao nosso redor.

O silêncio pode ter um significado diferente para cada um de nós. Por isso, não sei o que poderá representar para ti.

Poderia dizer-te agora que, existem estudos que comprovam que alguns momentos de silêncio por dia estimulam o desenvolvimento cerebral, a nossa capacidade de atenção, o relaxamento, bla, bla, bla… E seria verdade!

Mas, o que escolhi partilhar contigo agora, é apenas a importância e o significado que o silêncio têm para mim. E talvez isso possa fazer sentido para ti também.

 

O silêncio

Para mim, silêncio significa a oportunidade de me encontrar comigo mesma, de me escutar. No silêncio consigo ouvir as minhas emoções e tomar consciência delas. Consigo escutar as minhas necessidades e com intenção decidir que ações posso e quero tomar que possam ser ecológicas e congruentes comigo, com os meus valores e com meu propósito.

Reservar um momento do dia para estar comigo em silêncio, representa para mim a possibilidades de renovar energias e reencontrar a minha paz interior. E esse silêncio dá-me a capacidade de conduzir a minha atenção para o agora, para a importância de estar bem agora! O silêncio permite-me dirigir o meu foco para aquilo que realmente é importante para mim, e para onde intensionalmente pretendo dirigir a minha energia.

Se dissesse que não tenho tempo para o meu silêncio, estaria a colocar-me no fim das minhas prioridades! Faz sentido?

E agora é importante que te lembres que, talvez sejam os momentos de conexão interior que possam permitir que não te percas, e te mantenhas ligado à pessoa mais importante da tua vida e com a qual mais te relacionas todos os dias. Tu mesmo!

 

Texto | Té Monteiro

Fotografia | Pezibear

Happy Flow Logo

Newsletter!

Registe-se agora e receba inspiração, dicas e as novidades Happy Flow na sua caixa do correio.

Recebemos o seu pedido de registo. Confirme, por favor, a subscrição no e-mail que lhe enviamos.

Pin It on Pinterest

Share This