Objetivos SMART: Torne as suas metas alcançáveis

by | Atualizado em 2 de Março de 2024

  1. Início
  2.  ▶ 
  3. Viagens Interiores
  4.  ▶ 
  5. Motivação e Objetivos
  6.  ▶ Objetivos SMART: Torne as suas metas alcançáveis

Objetivos são programas mentais que nos ajudam a focalizar e a direcionar para aquilo que queremos alcançar. Se está aqui é porque já ouviu falar da importância de saber definir objetivos e metas. Neste artigo, vamos explorar, o que são metas e objetivos SMART, partilhar exemplos práticos, e discutir as vantagens de sua utilização.

Metodologia SMART

Sabia que o potencial de um objetivo é largamente suportado pela estrutura que é, ou não, capaz de nos fornecer? O método de definição de objetivos SMART é uma forma de clarificar ideias. Desta forma, torna-se mais fácil concentrar esforços, gerir melhor o tempo e aproveitar os recursos de uma forma mais produtiva. Por isso, esta metodologia permite aumentar as possibilidades de se alcançar o que mais se deseja.

Algumas vezes, o desafio pode estar em não se saber muito bem aonde se quer chegar. Leia também: Conhecer 6 pressupostos da definição de objetivos.

1. Quem popularizou Método SMART

George T. Doran, um consultor de gestão e planejamento estratégico, foi o pioneiro por trás da popularização do acrônimo SMART. Em 1981, publicou um artigo na revista Management Review, intitulado “There’s a S.M.A.R.T. way to write management’s goals and objectives”. Em português o título seria “Há um jeito S.M.A.R.T. de escrever os objetivos e metas da gestão”.

O Consultor explicou como os metas e objetivos mal definidos eram uma das principais razões para o fracasso dos resultados desejados pelas organizações. No seu artigo propôs que os objetivos fossem Específicos, Mensuráveis, Atingíveis, Relevantes e Temporais, a fim de aumentar a probabilidade de sucesso.

2. O que são objetivos SMART

Os objetivos SMART são uma maneira estruturada para definir metas de forma mais eficaz. SMART é um acrônimo que significa Específico (Specific), Mensurável (Measurable), Atingível (Achievable), Relevante (Relevant) e Temporal (Time-based). Essa abordagem oferece clareza e foco, permitindo que os indivíduos e organizações definam metas com mais precisão e aumentem suas chances de sucesso:

  • Específico: o objetivo deve ser claro e definido, evitando ambiguidades.
  • Mensurável: o progresso em direção ao objetivo deve ser quantificável.
  • Atingível: o objetivo deve ser desafiante, mas alcançável.
  • Relevante: deve ser significativo e estar alinhado com seus valores e prioridades, e contribuir para os objetivos de longo prazo.
  • Temporal: deve ter um prazo definido para conclusão. Isso cria um senso de urgência e ajuda a manter o foco.
Objetivos e Metas Smart

Estruturar Metas SMART?

Como já vimos, o método S.M.A.R.T. (Specific, Measurable, Attainable, Relevant, Time Bound) é uma ferramenta muito utilizada para definir, planear e atingir objetivos. Para que um objetivo seja atraente, poderoso e mobilizador é importante saiba como usar as 5 características dos objetivos SMART:

1. Específico

Definir um objetivo simples e claro é o primeiro passo. Desta maneira, é possível dirigir o foco, e conduzir os pensamentos e as ações na direção pretendida. Para isso, deve saber onde quer chegar, de um modo simples e único, específico, preciso, conciso e sem qualquer espécie de ambiguidade.

Para dar alguma estrutura a cada meta é importante que possa responder às questões: O quê? Quem? Onde? Para quê? Assim, podemos começar por fazer algumas perguntas que possam tornar o nosso objetivo mais específico:

  • O quê vou fazer?
  • Quem vai estar envolvido?
  • Com quem posso contar?
  • Onde será desenvolvido?
  • Que recursos serão necessários?
  • Quais as limitações a considerar?

2. Mensurável

Um objetivo deve poder ser medido, mensurável. Acompanhar o progresso de um objetivo é determinante para nos mantermos motivados ao longo do caminho.

Avaliar os progressos ajuda a manter o foco em metas e objetivos, e a cumprir prazos. Ao mesmo tempo, desperta emoções positivas à medida que nos vamos aproximando do cumprimento do objetivo.

É importante saber se está, ou não, a gerar resultados e a aproximar-se do alvo. Para isso, vai precisar de medir, quantificar e dimensionar o seu objetivo. Assim, para se definir metas mensuráveis pode responder a questões como:

  • Como sei se me estou a aproximar da meta?
  • Como saberei que o objetivo está realizado?
  • Quanto? Ou quantos?

É importante saber se está, ou não, a gerar resultados e a aproximar-se do alvo. Para isso, vai precisar de conseguir medir, quantificar e dimensionar o seu objetivo. Assim, para se definir metas mensuráveis é importante responder a questões como:

  • Como sei se me estou a aproximar da meta?
  • Como saberei que o objetivo está realizado?
  • Quanto? Ou quantos?

3. Atingível

Um objetivo deve ser algo que se considera possível de atingir e, por isso, é credível. Por outras palavras, um objetivo inteligente é aquele que acreditamos que pode ser medido e alcançável. Por isso, é importante avaliar se é mesmo possível chegar aonde quer.

Para um objetivo poder ser atingível, é essencial que dependa de si mesmo. Ou seja, deve depender das suas habilidades e daquilo que é capaz de fazer para o alcançar. A realização dos objetivos deve estar na sua esfera de influência, e não na dependência de outras pessoas. Porque, não vai poder controlar o que os outros fazem, nem as suas escolhas.

Um objetivo realista e alcançável é algo que, pode ser alcançado e cujo sucesso é uma possibilidade. E, geralmente responde a perguntas como:

  • Como posso alcançar este objetivo?
  • Quais os recursos que vou precisar?
  • Como os posso arranjar?
  • Com que apoios posso contar? E para quê?
  • Atendendo às limitações, quão realista é o meu objetivo?

Desta forma, vai poder identificar que oportunidades existem realmente. Ao mesmo tempo, conseguirá listar os recursos e habilidades que possui, e lembrar-se das pessoas que o podem apoiar.

4. Relevante

É importante garantir que o objetivo escolhido é importante e tem um benefício significativo. Ou seja, é fundamental que o objetivo seja relevante. Pois, só desse modo se tornará suficiente mobilizador da sua ação.

Além disso, é também necessário perceber se é congruente e ecológico para si. Isto é, se está alinhado com outros objetivos e valores. Ou, pelo contrário, pode comprometer a realização de outros planos. Afinal, as emoções são o motor das nossas ações e, por esse motivo, há que alimentar emoções positivas.

Por isso, é importante que consiga obter uma resposta honesta a algumas perguntas, como por exemplo:

  • Vale mesmo a pena?
  • O que perco para concretizar este objetivo?
  • Qual o preço a pagar?
  • O que ganho com isso?
  • Será este o momento certo para fazer isto?
  • Estou preparado?

5. Temporal

O objetivo deve estar limitado no tempo, ou seja, ter um prazo para a sua concretização. Pois, de outro modo, não terá um fim à vista e não poderá ser controlado (p.e. “um dia vai fazer, mas não sabe bem quando”).

Para poder trabalhar na concretização de objetivos, é importante estabelecer metas com uma data limite. A metodologia de objetivos SMART também pode ajudar a definir uma priorização de tarefas. Cada tarefa deve ter um prazo limite para a sua concretização. Esse é o modo de garantir que as tarefas diárias e de curto prazo, tenham prioridade sobre as tarefas de longo prazo.

Uma meta com prazo determinado costuma responder a estas perguntas:

  • Quando?
  • Quanto tempo?
  • Quais as tarefas de hoje?
  • O que posso fazer na próxima semana?
  • E daqui a três meses?
  • Quando alcançarei o meu objetivo?

Resumo das Características de Metas e Objetivos SMART

Objetivos SMART, conheça as suas cinco características: especificos, mensuráveis, atingíveis, relevantes e temporais.

Exemplos de Objetivos SMART

O Modelo SMART tem aplicação tanto na vida pessoal como profissional de uma pessoa, como na atuação das organizações. Talvez sonhe fazer uma grande viagem, mudar alguns aspetos da sua vida, ou estar mais tempo com a família. Ou, talvez queira organizar o seu dia-a-dia, e dar um novo rumo ao seu negócio, ou ganhar leads nas redes sociais. Seja melhorar relações pessoais, ou aumentar as vendas, a minha sugestão é bom que estruture as suas metas.

É importante transformar os desejos vagos metas aliciantes e alcançáveis. Dessa forma, é possível criar objetivos estruturados que facilitem a sua concretização. Vejamos alguns exemplos de metas SMART:

  1. Profissional: Aumentar a receita da minha empresa em 10% até o final do ano fiscal. Para tal, implementando uma nova estratégia de marketing digital, e dando formação a toda a equipa de vendas sobre retenção de clientes.
  2. Saúde: Ir ao ginásio três vezes por semana durante uma hora, e seguir um plano de dieta equilibrada. Seguindo a prática de acompanhar, e registar o progresso semanalmente, para perder 2 quilos por mês até atingir meu peso ideal,
  3. Desenvolvimento Pessoal: Participar de um curso de desenvolvimento de liderança de seis meses, dedicando duas horas por semana à leitura e tarefas afins. Sendo o propósito, aplicar pelo menos duas novas habilidades aprendidas no trabalho até o final do trimestre.
  4. Financeiro: Poupar 10% do salário todos os meses, criando transferências automáticas para uma conta de poupança. O intuito é criar um fundo de emergência de seis meses até o final do ano.

Vantagens de Definir Objetivos SMART:

Optar por uma smart definição à formulação de metas e objetivos aporta vantagens inegáveis:

  1. Clareza e Foco: Objetivos específicos proporcionam uma visão clara do que se quer alcançar, reduzindo a indecisão e hesitação. Um estudo da Universidade de Purdue descobriu que indivíduos que estabelecem metas específicas têm 50% mais de probabilidade de alcançar melhores resultados.
  2. Motivação: Metas mensuráveis permitem que a pessoa acompanhe o seu progresso de forma tangível, o que aumenta a motivação e o compromisso. Por exemplo, nos objetivos de emagrecimento, olhar para a balança e registar o progresso semanal, pode fornecer um impulso motivacional significativo.
  3. Avaliação do Progresso: Objetivos temporais fornecem um cronograma claro para avaliar o progresso e fazer ajustes conforme necessário. Isso ajuda a evitar a procrastinação e a garantir que os esforços estejam alinhados com os objetivos de longo prazo. Por exemplo, quando o objetivo é economizar dinheiro para uma viagem, monitorar o progresso mensal permite ajustar os gastos. Essa é a forma de garantir que o objetivo é alcançado dentro do prazo desejado.
  4. Alinhamento com Valores: Estabelecer metas relevantes promove um senso de propósito e significado, aumentando a motivação intrínseca. Por exemplo, para uma pessoa que valoriza a saúde e o bem-estar pode ser gratificante ter objetivos associados a uma alimentação saudável. Já estabelecer metas que não estão alinhadas com seus valores pessoais seria pouco aliciante e motivador.
  5. Eficiência Aprimorada: Objetivos atingíveis ajudam a priorizar esforços e recursos em atividades que contribuem para o sucesso. Deste modo, reduzindo o desperdício de tempo e energia em tarefas irrelevantes. Isso pode resultar numa maior produtividade e no uso mais eficaz dos recursos disponíveis.
  6. Maior Probabilidade de Sucesso: Ao incorporar todos os elementos do acrônimo SMART, as metas tornam-se mais claras, tangíveis e alcançáveis. Dessa maneira, há um aumento significativo da probabilidade de sucesso. Um estudo publicado no Journal of Applied Psychology sugere que indivíduos que estabelecem metas específicas e desafiadoras tendem a ter um desempenho elevado.

É Importante manter o foco e a flexibilidade

Definir metas SMART ajuda a alcançar o que se quer. Os imprevisto acontecem, e é importante manter uma smart análise, lembrando-se do seguinte:

  1. Ter um plano de ação que dê suporte à meta smart é determinante para aumentar a produtividade e a probabilidade de sucesso. É preciso agir com propósito para alcançar a meta.
  2. Manter a flexibilidade quando se trata de atingir metas e objetivos é determinante. Pode ser preciso, a meio do percurso, avaliar e rever o objetivo inicial.
  3. Algumas vezes, o objetivo e as suas metas precisam de ser reformulados ou revistos. Se o feedback que estamos a obter não é o desejado, algo deve ser alterado. É mesmo assim, há que rever as ações planeadas anteriormente.
  4. Fique atento aos indicadores, procure focar-se nas possibilidades, porque a motivação é o alimento das ações.
  5. Ás vezes é necessário parar, observar, aprender e seguir adiante até chegar à meta traçada.

Esta ferramenta pode ajudá-lo a explorar as suas habilidades, os seus recursos e a alcançar aquilo que o faz feliz. Mantenha o Foco e Boa Sorte!

Conclusão

Um bom objetivo implica a definição de metas especificas, cuja realização serve como indicador da evolução do próprio objetivo. Uma meta é específica e definida por uma tarefa concreta e necessária para se alcançar o objetivo.

Num mundo repleto de distrações, a definição de objetivos SMART é essencial para maximizar o sucesso pessoal e profissional. Este método pode ser usado tanto na definição de objetivos pessoais, como na gestão de projetos, ou para traçar objetivos empresariais. Como vimos, existem variados exemplos da sua aplicação na vida quotidiana.

Ao adotar uma abordagem estruturada, é possível transformar visões ambiciosas em realidade. Uma vez que, proporcionará mais clareza, motivação e eficácia ao longo do caminho. Lembre-se que cada objetivo é uma jornada única. No caminho é importante manter a dose certa de compromisso, planeamento estratégico, monitorização do desempenho e foco para alcançar um sucesso duradouro.

Ficou interessado neste tema?

Saiba que esta publicação faz parte de uma sequência de artigos sobre objetivos. Leia também:

Happy Flow

HappyFlow.pt é um blog de conteúdos originais, focado em pessoas e no seu desenvolvimento. Queremos promover a reflexão e motivar a ação, partilhando conceitos e experiências. Vamos semear inspiração positiva e otimismo. Fell the Flow & Be Happy!

COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ARTIGOS RELACIONADOS

Objetivos e metas: conceito, como definir e atingir

Objetivos e metas: conceito, como definir e atingir

Na jornada da vida, somos impulsionados pelos nossos sonhos, guiados pelos objetivos que estabelecemos e impelidos pela capacidade de definir metas concretas. Mas, o que exatamente são sonhos, objetivos e metas? E qual é a importância de compreender esses conceitos...

8 Dicas para definir objetivos para o Novo Ano

8 Dicas para definir objetivos para o Novo Ano

O início de cada novo ano tende a despertar em nós a ideia de novidade, e a possibilidade de novos começos, o que quer que isso possa significar para cada um de nós. Talvez seja por isso que, na noite de passagem de ano, muitas pessoas, enumeram os seus desejos e,...

A magia de quem acredita em milagres!

A magia de quem acredita em milagres!

Há muitos anos, quando ainda era criança, a caminho da escola era hábito cruzar-me no autocarro com uma senhora que costumava contar diariamente as histórias dos milagres da sua vida. A senhora acreditava que estes eram o resultado da sua inabalável fé em...

QUERO SUBSCREVER
Newsletter

Junte-se à comunidade de leitores de Happy Flow. Receba em primeira mão as publicação do blog, dicas exclusivas e muito mais no seu E.mail.

Pin It on Pinterest