Quem és? O que queres para a tua vida?

by | Atualizado em 15 de Fevereiro de 2024

  1. Início
  2.  ▶ 
  3. Viagens Interiores
  4.  ▶ 
  5. Motivação e Objetivos
  6.  ▶ Quem és? O que queres para a tua vida?

O que estás a fazer quando fazes o que estás a fazer? Estás realmente em atenção plena ao que fazes? Ou o teu pensamento está disperso? A tua mente está demasiado ocupada a voar por outras paragens?

 

A presença não consciente…

Uma boa parte da nossa vida tende, muitas vezes, a ser despendida em atos mecânicos, aos quais não nos ligamos verdadeiramente. De manhã, quando o despertador toca, acordamos, levantamo-nos e calçamos os chinelos, já a pensar que, a seguir, temos que tomar banho.

Depois, tomamos banho a pensar em que roupa escolher para vestir. E, a seguir, vestimo-nos a enumerar as tarefas que pretendemos realizar nesse dia. Assim, o nosso corpo cumpre as rotinas matutinas, enquanto o nosso pensamento caminha um passo adiante. Por outras palavras, parece que os pensamentos nos desligam do que está a acontecer no momento. Por exemplo, o som dos nossos pés no chão, a água que corre sobre o nosso corpo, o aroma do shampoo, o toque ou a cor do tecido da nossa roupa.

Mais tarde, e uma vez chegados ao local de trabalho, por exemplo, sentados em frente ao computador, ficamos, certas vezes, a pensar que, eventualmente, podemos não ter tempo para fazer tudo o que achamos que temos de fazer. E, esse pensamento, vai-nos atrapalhando na persecução da tarefa. Mais adiante, assalta-nos a meio da tarefa a recordação de uma cena do dia anterior. E, assim, dispersamo-nos na ideia do que poderíamos ter feito de diferente – “o que poderia ter dito e não disse”, “o que poderia ter feito e não fiz”.

Desta maneira, distraídos entre o que passou e o que ainda há-de vir, a nossa atenção esvai-se do momento presente – o único que podemos alterar agora.

 

Momentos de atenção plena…

Refletindo agora um pouco sobre isso, o que ganhas quando não te ligas ao momento presente? E o que perdes com isso? E já pensaste no que podes ganhar quando, em plena atenção, te conectares com o momento que estás a viver agora?

Quantas vezes te ligas ao que de facto está a acontecer em tempo real? O que está a acontecer aqui e agora? O que estás a sentir e em que estás a pensar enquanto fazes o que estás a fazer agora? Estás de facto ligado, conectado, atento a isso? Que intenção definiste para este momento? Estás a vivê-lo de forma consciente e presente?

Ora começa de novo… acreditando agora que, a única coisa que importa é este único e valioso momento. O que importa agora és tu e a tua atenção, ligados plenamente ao que está a acontecer aqui, agora. Pois, neste poderoso momento de que podes beneficiar quando, agora, nele depositares toda a tua atenção e a ele dedicares agora todos os teus sentidos. Respira, observa, sente, vive, muda… Isso mesmo! Atenção Plena!

 “Não basta abrir a janela para ver os campos e o rio.

Não é o bastante não ser cego para ver as árvores e as flores.

É preciso também não ter filosofia nenhuma.

Com filosofia não há árvores: há ideias apenas.

Há só cada um de nós, como uma cave.

Há só uma janela fechada, e o mundo lá fora;

E um sonho do que se poderia ver se a janela se abrisse,

Que nunca é o que se vê quando se abre a janela.”

 

ALBERTO CAEIRO

ARTIGOS RELACIONADOS

Objetivos e metas: o que são, diferenças e importância

Objetivos e metas: o que são, diferenças e importância

Na jornada da vida, somos impulsionados pelos nossos sonhos, guiados pelos objetivos que estabelecemos, e impelidos pela capacidade de definir metas concretas. Mas, o que exatamente são sonhos, objetivos e metas? E qual é a importância de compreender esses conceitos...

Definir objetivos: 6 coisas que vai querer saber

Definir objetivos: 6 coisas que vai querer saber

O que precisa saber para definir objetivos Ouvimos dizer que é preciso ter objetivos para alcançar resultados. Os objetivos fazem parte da vida pessoal, dos negócios e até das redes sociais. Mas, talvez existam certas coisas que precise saber, antes de começar a...

8 Dicas para definir objetivos para o Novo Ano

8 Dicas para definir objetivos para o Novo Ano

O início de cada novo ano tende a despertar em nós a ideia de novidade, e a possibilidade de novos começos, o que quer que isso possa significar para cada um de nós. Talvez seja por isso que, na noite de passagem de ano, muitas pessoas, enumeram os seus desejos e,...

COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

QUERO SUBSCREVER
Newsletter

Junte-se à comunidade de leitores de Happy Flow. Receba em primeira mão as publicação do blog, dicas exclusivas e muito mais no seu E.mail.

Pin It on Pinterest